Saiu a programação do Congresso

Saiu a programação do Congresso. Com o tema “Cidades Inteligentes conectadas com o saneamento e o meio ambiente: desafio dos novos tempos”, esta edição do evento acontecerá de forma híbrida: presencial, em Curitiba/PR, e também online, em plataforma digital exclusiva e interativa.

Está chegando! De 17 a 20 de outubro, será realizado o 31º Congresso Brasileiro de Engenharia Sanitária e Ambiental – Congresso da ABES 2021. Esta edição do mais importante evento de saneamento ambiental do Brasil acontecerá de forma híbrida: presencial, em Curitiba, Paraná, e também online, em plataforma digital exclusiva e interativa. O tema central é “Cidades Inteligentes conectadas com o saneamento e o meio ambiente: desafio dos novos tempos”. 

17 de outubro – Domingo:

18h às 20h – Solenidade de abertura

21h às 22h – Palestra de Abertura

18 de outubro – Segunda-feira:

08h às 09h15 – Credenciamento

09h15 às 10h15 – Palestra Magna: Cidades inteligentes, saneadas e conectadas com o desenvolvimento sustentável

09h às 12h15 – Apresentação Trabalhos Técnicos Orais

10h15 às 10h30 – Network e Feira

10h30 às 12h15 – Painel de Abertura: Cidades inteligentes, sustentáveis e humanas – desafios dos novos tempos

12h15 às 14h15 – Almoço

14h às 18h – Apresentação Trabalhos Técnicos Orais

14h15 às 16h

Crise Hídrica e os usos múltiplos da água

DIÁLOGO SETORIAL 1: Regionalização perante a Lei 14.026/20. Desafios e sua efetividade na universalização do saneamento

DIÁLOGO SETORIAL 2: Cidades inteligentes: gestão de resíduos sólidos e regulação

Comunidades Inteligentes: Desenvolvimento Rural Sustentável, Associativismo e Inovação Socioambiental

Excelência na Gestão da Eficiência Energética, vinculando as boas práticas com a utilização de Tecnologias Inteligentes

Água para Consumo Humano: Portaria de Potabilidade – Avanços e desafios

16h às 16h15 – Network e Feira

16h15 às 18h

Reúso de efluentes e seu papel para a Segurança Hídrica

DIÁLOGO SETORIAL 3: Comprovação da capacidade econômico-financeira dos prestadores de serviços – Decreto n.º 10.710/2021

DIÁLOGO SETORIAL 4: Drenagem urbana: o desafio da regulação, cobrança e financiamento sustentável

Tecnologia, Serviços, Pessoas e Inclusão Social

Modelagem Hidráulica e sua vinculação à Operação dos Sistemas, Automação, Telemetria, Inteligência Artificial e Cidades Inteligentes

Mulheres que transformam: saneamento para todos

19 de outubro – terça-feira:

09h15 às 10h15 – Palestra Magna

09h às 12h15 – Apresentação Trabalhos Técnicos Orais

10h15 às 10h30 – Network e Feira

10h30 às 12h15

Inovação no saneamento ambiental: gerando valor, sustentabilidade e competitividade

DIÁLOGO SETORIAL 5: O futuro das empresas estaduais de saneamento

DIÁLOGO SETORIAL 6: Desafios para a universalização I: a importância dos indicadores para o planejamento e o controle de metas   

Adaptação e mitigação no planejamento e na execução dos serviços de saneamento devido as Mudanças climáticas           

Novos tempos e desafios para o controle de qualidade de produtos químicos para tratamento de água no país, visando a saúde da população abastecida

Sustentabilidade no tratamento de esgoto: da teoria para a prática

12h15 às 14h15 – Almoço

14h às 18h – Apresentação Trabalhos Técnicos Orais

14h15 às 16h

O saneamento 4.0  para uma sociedade 5.0

DIÁLOGO SETORIAL 7: Agenda Regulatória 2021/2022 da ANA

DIÁLOGO SETORIAL 8 Participação do setor privado

Crimes ambientais e responsabilidades dos gestores

Comunicação e Crise Hídrica

Mudanças climáticas e os impactos nas cidades, no saneamento e na saúde

16h às 16h15 – Network e Feira

16h15 às 18h

Municipalização da agenda 2030

Redução do déficit de esgotamento sanitário e despoluição hídrica

DIÁLOGO SETORIAL 9: Desafios para a universalização II: Como incorporar favelas, áreas irregulares e saneamento rural nos contratos

Segurança hídrica como componente estratégico no saneamento

Tecnologias aplicadas ao gerenciamento dos resíduos sólidos: desafio dos novos tempos

Conselho Diretor e Assembleia Geral

20 de outubro – quarta-feira:

09h15 às 10h15 – Palestra Magna

09h às 12h15 – Apresentação Trabalhos Técnicos Orais

10h15 às 10h30 – Network e Feira

10h30 às 12h15

Cidades inteligentes e os desafios para implementação da bioeconomia circular e sustentável

DIÁLOGO SETORIAL 10: Painel de Presidentes: Desafios e oportunidades para os prestadores de serviço frente ao Novo Marco Legal do Saneamento

DIÁLOGO SETORIAL 11: Financiamento para o setor de saneamento

Vigilância epidemiológica do novo coronavírus a partir do monitoramento do esgoto: resultados e perspectivas para o Brasil

Cidades inteligentes e os desafios ambientais da mobilidade

10h30 às 12h25 – Tecnologias transformadoras para cidades inteligentes

12h15 às 14h15 – Almoço

14h às 18h – Apresentação Trabalhos Técnicos Orais

14h15 às 16h – Gases gerados no saneamento: combustível verde para promoção do saneamento ambiental no Brasil

DIÁLOGO SETORIAL 12: Painel das Entidades: Discussão da agenda do setor

DIÁLOGO SETORIAL 13: Governança das Agências Reguladoras do Saneamento – Gestão Eficiente, Transparente e Participativa

Estruturas Tarifárias do Setor de Saneamento

ESG / Modelo de Excelência em Gestão do Saneamento Ambiental

Cidades Inteligentes e o Manejo das Águas Pluviais Urbanas

16h às 18h – Cerimônia de Encerramento

*Programação sujeita a alterações, sem aviso prévio.